Fiz um texto bem direto e prático sobre minha viagem à Dublin, cidade que achei jovem, alegre, musical e bem linda!
Voamos de Londres até Dublin pela Cia aérea low cost Ryanair. A passagem é bem barata, mas eles são bem chatos com bagagem, tem que imprimir o cartão de embarque antes se não paga multa. Brasileiro tem que apresentar o passaporte para algum funcionário no check in para pegar um carimbo de visto senão não embarca no portão. Achei todos bem grosseiros, tratando bem mal os passageiros. Odiei a experiência de voar com a Ryanair. Porque é low cost não pode ter gentileza???

Onde ficar em Dublin?

A melhor localização para se hospedar em Dublin é na região de Temple Bar, onde tem mais movimentação, galera mais animada e os pubs agitados.
Ficamos no The Temple Bar Apartments The Key Collection– são apartamentos com quarto, cozinha e sala espalhados pela região de Temple Bar. O nosso era antiguinho com decoração meio cafoninha mas super valeu pois os hotéis bem localizados em Dublin são caríssimos e nosso foco era agitar com nossos filhos e não curtir o hotel em si.

O que fazer em Dublin?

PHOENIX PARK – Indiscutivelmente lugar que mais amei em Dublin foi o Phoenix Park. Um parque lindo com muito verde, lagos e belos caminhos para passear. Mas as grandes estrelas são os veados. São dezenas deles que ficam soltos e você vai se aproximando para tentar fazer um carinho e tirar fotos. Uma graça! Alugamos bike por €6, a hora e curtimos demais. Super passeio!

A family de bike
Os veados ficam soltos mas quando a gente se aproxima eles se afastam.

Olha a sequência de fotos eu tentando me aproximar e depois quase virei “best friend”. Rs rs

 

GUINESS – Fábrica da cerveja Guiness. O lugar é incrível, a estrutura é muito bem elaborada para receber visitantes, modernosa mas você paga mais pelo lugar do que pela cervejaria e pela experiência em si. Eu não amei. O Gravity Bar no último andar em cima é o melhor da visita. É a hora de tomar a cerveja com o belo visual da cidade e música animada. Compre seu ingresso on line que é mais barato.

Na entrada da Guiness
É tudo mega produção, tipo Disney.
No Gravity Bar, no último andar. Chopp com vista.

BALADA NOTURNA: The Pyg e Diceys.

Todo pub tem “milhões” de opções de cervejas

TEMPLE BAR – Dublin é famosa também por seus pubs com música ao vivo e sem dúvidas, o Temple Bar leva a fama do melhor não à toa. O antigo pub tem um astral maravilhoso. Além de cerveja e irish coffee, oferece a melhor música. De tempos em tempos sobem ao pequeno palco, cantores diferentes que fazem a alegria da galera e todos cantam e pedem música. No final do dia, saem as mesas e banquetas e a pista fica tomada de gente muito animada. Ficamos mais de quatro horas de tanto que curtimos!

SMOKIN BONES– Pertinho do Temple Bar comemos o melhor Burger defumado. E ali do ladinho tem uma mini rua com waffle com sorvete que foi a melhor sobremesa!

Delícia de burguer

O´NEILLS PUB – esse pub tem mais de 300 anos. Imagina aquele lugar que os fanáticos de futebol se reúnem para assistir aos jogos e curtirem juntos? É lá! O esquema para almoço é aquele que você escolhe, pega, paga e leva a bandeja para sua mesa. Bem legal o astral também.


ST STEPHENS GREEN PARK – uma gracinha esse parque com lagos, patos e flores. Bem no final da Grafton Street rua com todas as lojas conhecidas. Tem Shopping de mesmo nome ao lado mas achei bem fraquinho.

Entrada do Parque
Laguinho

TRINITY COLLEGE– Não deixe de visitar a faculdade fundada em 1592, tão linda e com uma biblioteca de cair o queixo. Entrada €14,

 

 

Delícia passear pela Trinity!

 

Escultura “Sphere within sphere” de Arnoldo Pomodoro na Trinitty College

BUTLERS CAFE– uma chocolateria irlandesa que vale uma visita para um café ou um chocolatinho, claro.

MOLLY MALLONE STATUE– É uma estátua de bronze “Molly Malone”, o nome de uma tradicional canção irlandesa e da personagem central retratada na letra: uma comerciante que vende peixes e frutos do mar pelas ruas de Dublin.

DUBLIN CASTLE– um passeio a pé até o castelo (inaugurado em 1204) vale muito. É pertinho da região de Temple Bar e é bem bonito. Está aberto ao público para visitação e uma ótima forma de saber um pouco mais sobre a história da Irlanda e se inteirar sobre a identidade do país.

DOLLARD & CO – Também perto do Temple Bar é uma delikatessen linda com bar e restaurante para escolher sua bebida dali e comer lá mesmo. Um charme.

PITT BRO´S SMOKED BARBECUE– tipo um fast food de sanduíches defumados. Uma mesa em comum para todos e vem na bandeja com sua carne defumada, batatas fritas e com sorvete à vontade de sobremesa.

a cara da felicidade com sorvete à vontade rs rs

THE PORTER HOUSE– Já que Dublin só tem pub legal, mais um para sua lista. Esse pub tem 3 andares e “milhões” de cervejas. Clima bem legal!
Não deixe de comer a famosa Irish pie (torta de batata com carne no forno) e claro, de tomar um Irish coffee quentinho. Amei demais!!!

Um Irish coffee no frio é tudo de bom!!
Paixão por essa Irish pie!

Viagem deliciosa para curtir entre família e amigos! Curti muito!

Uma excelente opção de viagem para conjugar com Londres.

Para ler sobre Londres clique abaixo.

Artigo anteriorComuna do Ibitipoca
Próximo artigoCapri, a ilha bella bella da Itália
Meu nome é Juliana Nakad Sterenberg, mas pode me chamar de Ju! Sou carioca, aquariana, publicitária e sempre trabalhei com moda. Nas minhas viagens encontro inspiração e conexões que ampliam meus horizontes para um novo olhar. Visitei 57 países e minha lista de sonhos só cresce. A paixão que me move é conhecer novas culturas, visões da vida diferentes e lugares que abrem minha mente e me conectam com esse mundão de diversidades. Compartilhar minhas experiências com vocês é o que completa essa viagem. Embarca comigo?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui